GALA: FEPRA ENTREGA PRÉMIOS E APRESENTA NOVA DIREÇÃO

Convívio. A Federação Portuguesa de Rádio Modelismo Automóvel – FEPRA promoveu este sábado (26 de janeiro), na Quinta do Paul, em Ortigosa, Leiria, a sua Gala Anual de Entrega de Prémios dos Campeonatos de 2018.
O encontro visou acima de tudo, e de uma forma informal, distinguir os pilotos que se destacaram no panorama nacional e internacional do R/C, nas suas várias categorias e escalas.

Cerca de 90 pessoas entre pilotos, familiares, órgãos sociais da FEPRA e convidados preencheram uma das salas do complexo da Quinta do Paul, e partilharam momentos de boa disposição e convívio e estreitaram amizades. Afinal a competição é nas pistas.

Grupo de pilotos premiados.

A cerimónia de entrega de prémios, orientada por Artur Noé, teve lugar após o jantar e, sobre este momento, editaremos, nos próximos dias, conjunto de fotos individuais dos galardoados.
A anteceder o final do convívio foi dado a conhecer, por Artur Noé, presidente cessante da direcção da FEPRA, o novo elenco que constitui os órgãos sociais da federação, eleito na tarde de sábado, no decorrer da Assembleia Geral e que são:

Direcção
Presidente – José Manuel Pinto Rosa Figueiredo
Vice-presidente Administrativo – Fernando Manuel Miranda Cardoso
Vice-presidente Desportivo – Carlos Manuel Abreu Cardoso
Secretário – Fernando Jorge Lopes Castro
Tesoureiro – Carlos Rui Machado Gonçalves

Assembleia-geral
Presidente – Nuno Manuel de Abreu Ribeiro Branco
Vice-presidente – Joaquim Pedro Sousa e Silva Ascensão
Secretário – João Manuel da Silva Durães

Conselho Fiscal
Presidente – José Alexandre Maia dos Santos
Relator – Emanuel Filipe de Brito Marques
Vogal – Rui Miguel Neves Gomes Pereira Matias

Conselho Técnico e de Arbitragem
Presidente – Horácio Ribeiro Monteiro
Secretário – Frédéric dos Santos
Vogal – Rui Miguel Neves Gomes Pereira Matias

Conselho Disciplinar
Presidente – Dr. Domingos Brito Teixeira
Vogal – Hugo Rollot Miguel
Vogal – Denis Gerson Carvalho Lopes

Conselho Jurisdicional
Presidente – Dr. Pedro Manuel Barros Pereira
Vogal – António Rui Alves David
Vogal – Pedro Francisco Moreira Pereira

A FEPRA distinguiu também os clubes pelo trabalho desenvolvido pelos seus pilotos e pelas classificações que obtiveram nos seus campeonatos, que se realizam um pouco por todo o país.

Alguns dos elementos que cessaram funções: Fernando Dantas, Lino Franco, Rolando Caseiro, Artur Noé, Hélder Barros, Filomeno Félix, César Coelho e Abel Carrôlo.

Na sua “despedida”, Artur Noé chamou ainda para junto de si e entregou uma pequena lembrança, aos elementos da direção e colaboradores, presentes no encontro, e que com ele trabalharam nos últimos anos pelo engrandecimento da instituição. Numa curta intervenção fez uma resenha da atividade da FEPRA.

Artur Noé deixa a direção da FEPRA com o sentido do dever cumprido

Artur Noé na curta intervenção realizada “viajou” até aos finais dos anos 80 altura em que começou como um mero entusiasta dos “carrinhos”, como disse. Mais tarde, e já com experiência acumulada fundou o clube Modelis, na zona Centro do país, altura ainda em que “não existia nenhuma associação nacional” no sector do radiomodelismo.

Artur Noé

“No início dos anos 90 participei ativamente na fundação desta associação até à sua constituição em outubro de 1994, com o nome que hoje todos nós conhecemos, a FEPRA”.

Sustentou ainda que nos diversos mandatos que exerceu geriu a federação sempre com “zelo, com dedicação, com prejuízo de compromissos sociais, compromissos familiares, sobrepondo por vezes a minha vida profissional. Nos 12 anos da nossa gestão fizemos muitas coisas boas, eventualmente outras menos boas, mas tudo o que fizemos foi sempre a pensar no melhor para a nossa Federação”. Elencou ainda os 12 eventos internacionais que a FEPRA ajudou a organizar em Portugal e salientou que “abandono com o sentido do dever cumprido” agradecendo ainda a todos quantos com ele trabalharam e endereçou as maiores felicidades aos novos dirigentes, nomeadamente ao novo presidente da FEPRA, José Manuel Figueiredo.

José Manuel Figueiredo promete trabalho e criação de melhores condições para a modalidade

José Manuel Figueiredo

Por seu lado, José Manuel Figueiredo, antes da sua intervenção chamou para junto de si todos os novos elementos da direção presentes na sala e avançou que o novo projeto quer dar continuidade ao projeto da anterior direção.

Novos órgãos sociais da FEPRA: Emanuel Marques, Fernando Miranda Cardoso, Hugo Miguel, João Durães, Pedro Pereira, José Manuel Figueiredo, Nuno Branco, Carlos Cardoso, Frederic dos Santos e Horácio Monteiro.

Agradeceu a todos os clubes e “a única coisa que podemos prometer, com a colaboração de todos, é que vamos trabalhar para criar melhores condições para a modalidade. Não temos demagogias. Vamos trabalhar e contamos com a ajuda de todos”, concluiu.

#TablierMagazine
Fotos:
Valdemar Jorge

Related posts