NOVO AURIS RECEBE SEGUNDA MOTORIZAÇÃO HÍBRIDA

A terceira geração do Toyota Auris, em estreia mundial no Salão Internacional do Automóvel de Genebra, apresenta um design mais dinâmico ao mesmo tempo que associa uma nova motorização full hybrid com motor 2.0 litros. É o primeiro modelo do portfólio da marca nipónica a disponibilizar duas motorizações híbridas. Uma segue a performance tradicional outra, mais potente e desportiva.

Sem opção de motorização diesel

A atual gama de propulsores do Auris consiste em cinco motores convencionais e uma motorização híbrida. No entanto, refletindo o contínuo foco da marca na tecnologia híbrida, o novo Auris oferecerá aos clientes apenas um motor convencional – uma unidade de gasolina turbo de 1,2 litros – e a possibilidade de escolha entre unidades híbridas de 1.8 litros com 122cv ou 2.0 litros de 180cv.

O sistema de 1.8 litros atende a todos os requisitos que os clientes esperam de um sistema de propulsão full hybrid da Toyota: tecnologia elétrica silenciosa, intuitiva, com uma boa resposta e auto-suficiente, com baixo custos de utilização, sem necessidade de recargas externas e oferecendo uma excelente economia, baixas emissões de CO2 e até 50% do tempo de condução totalmente elétrica nos trajetos diários.

Embora continue a oferecer aos utilizadores todos os benefícios acima referidos, a variante de 2.0 litros tira o máximo partido do conforto, a estabilidade, o comportamento e prazer de condução acrescidos inerentes à recém-adotada plataforma Nova Arquitetura Global da Toyota (TNGA). Oferece aos condutores uma unidade mais “energética”, com mais potência e patilhas de passagem de caixa montadas no volante para uma experiência de condução mais envolvente.

A Nova Arquitetura Global da Toyota (TNGA) constitui a base para todo o futuro grupo de sistemas de propulsão e de desenvolvimento de veículos da Toyota.

A nova plataforma TNGA do Auris garante uma experiência de condução mais gratificante, graças a centro de gravidade mais baixo, suspensão traseira multibraços e uma carroçaria mais rígida através da utilização de aço de elevada resistência para reforço de áreas-chave.

Hatchback mais dinâmico e ousado

“O nosso principal objetivo com o novo Auris foi o de criar o hatchback mais ousado e dinâmico no mercado, sem comprometer a usabilidade interior”, explica Simon Humphries, diretor-geral executivo da Toyota Global Design.

“Aproveitando o baixo centro de gravidade proporcionado pela configuração da TNGA, o veículo mostra-se leve e ágil na vista lateral mas à medida que vamos deslocando o olhar para trás a arquitetura transforma-se para criar um visual sólido, amplo e baixo, que é absolutamente importante para o mercado europeu”.

Mais longo e mais baixo do que o seu antecessor, o novo Auris adota um design significativamente mais dinâmico e um estilo frontal mais marcante. O comprimento total aumentou 40 mm, os quais foram totalmente canalizados para a distância entre-eixos. Não menos importante, a altura total do novo hatchback foi reduzida em cerca de 25 mm, enquanto a altura do capot do veículo é significativamente inferior, em 47 mm, quando comparado com o modelo anterior. O resultado é uma forma mais elegante e um capot mais atraente e mais baixo, o que, por sua vez, melhora a segurança, tendo em conta que o condutor fica com uma visão mais desimpedida.

O design dinâmico do novo Auris é destacado através de um esquema de cores bi-tom opcional, que combina a cor da carroçaria com um acabamento negro no tejadilho e em todos os pilares vidrados.

 

Veja o vídeo:

Tablier Magazine

Fonte: Toyota Caetano Portugal

Related posts