JAGUAR D-TYPE: O REGRESSO DA LENDA

A Jaguar Classic reiniciou a produção do icónico carro de corrida D-type, em Coventry, 62 anos após o último exemplar ter sido construído, em 1956. O primeiro Jaguar D-type construído pela Jaguar Classic, um protótipo, fará a estreia mundial no Salão Rétromobile que se realiza de 7 a 11 de Fevereiro, no Paris Expo Porte de Versailles, em Paris.

Apenas 25 novos exemplares do D-type serão construídos à mão no Jaguar Land Rover Classic Works, em Warwickshire, no Reino Unido. Em 1955, a Jaguar planeou construir 100 D-type. Com apenas 75 automóveis concluídos, o Jaguar Classic está agora cumprindo a ambição original da empresa criando 25 carros desportivos totalmente novos que cumprirão as especificações originais.

O D-type, que ganhou as 24 de Le Mans três vezes entre 1955 e 1957, foi animado pelo motor XK de seis cilindros.

Acerca desta iniciativa Tim Hannig, diretor da Jaguar Land Rover Classic comentou: “O Jaguar D-type é um dos carros de competição mais emblemáticos e belos de todos os tempos, com um registro notável nas corridas mais difíceis do mundo. E é tão espetacular hoje. A oportunidade de continuar a história de sucesso do D, completando a produção planeada em Coventry, é um projeto único que os nossos especialistas do Jaguar Land Rover Classic se orgulham em cumprir”.

O D-type é o terceiro veículo de produção do Jaguar Classic, e complementa os seis E-type Lightweight em falta, concluídos em 2014-15 e os nove XKSSs construídos em 2017-18.

A pesquisa minuciosa dos especialistas da Jaguar Classic, com acesso exclusivo aos desenhos e registos de engenharia originais da Jaguar, garante que cada novo D-type é construído com as especificações autênticas estabelecidas por Lofty England e pelos seus engenheiros na década de 1950. Os clientes de D-type podem escolher as especificações Shortnose de 1955 ou as Longnose de 1956.

O protótipo agora construído cumpre a especificação Longnose de 1956, identificável pelo capot esticado, barbatana característica atrás da cabeça do piloto, cabeça de cilindro grande angular e pinças de travão de troca rápida.

“Recriar os nove XKSSs derivados do D-type foi extremamente satisfatório e um desafio técnico ainda maior do que os seis E-types Lightweight, mas as lições aprendidas com o projeto XKSS deram-nos o conhecimento necessário para a construção dos últimos 25 D-type. Cada um estará absolutamente correto, até ao último detalhe, tal como o Departamento de Competições da Jaguar pretendia”, revelou Kev Riches, engenheiro responsável da Jaguar Classic.

Galeria de Fotografias:

jclassicdtype05021827
jclassicdtype05021827
jclassicdtype05021826
jclassicdtype05021826
jclassicdtype05021822
jclassicdtype05021822
jclassicdtype05021802
jclassicdtype05021802
jclassicdtype05021823
jclassicdtype05021823
jclassicdtype05021819
jclassicdtype05021819
jclassicdtype05021821
jclassicdtype05021821
jclassicdtype05021811
jclassicdtype05021811
jclassicdtype05021817
jclassicdtype05021817
jclassicdtype05021812
jclassicdtype05021812
jclassicdtype05021815_tm
jclassicdtype05021815_tm
jclassicdtype05021806
jclassicdtype05021806
jclassicdtype05021808
jclassicdtype05021808
jclassicdtype05021803
jclassicdtype05021803
jclassicdtype05021800
jclassicdtype05021800
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
PlayPause

Veja o vídeo:

TablierMagazine

Fonte: Jaguar

Related posts